Publicado em 24/10/2023

Segmentação de mercado: como o geomarketing pode ajudar

Segmentação de mercado: como o geomarketing pode ajudar

Geofusion Hannah Schroer
LinkedIn
Compartilhe:
Segmentação de mercado

A segmentação de mercado é uma estratégia essencial para direcionar estratégias e ações de uma empresa de forma eficiente, obtendo melhores resultados.

Com ela, você  identifica grupos específicos de consumidores com características e necessidades semelhantes, podendo atendê-los da forma mais adequada.

Assim, é fundamental saber quem é o seu cliente e os principais motivos que o fazem escolher os seus produtos e serviços e não os do concorrente.

Essas questões são fundamentais para fazer uma segmentação de mercado que funciona. Afinal, ao tentar atingir vários públicos diferentes, sua empresa corre o risco de não atender adequadamente às expectativas e necessidades de nenhum deles.

Com uma segmentação bem feita, você consegue identificar características e preferências em comum entre os seus consumidores e prospects. Assim, é possível criar estratégias específicas para cada um dos segmentos encontrados.

Neste artigo, você vai entender o que é a segmentação de mercado, qual sua importância e como fazer uma segmentação de mercado com geomarketing.

O que é segmentação de mercado?

A segmentação de mercado é uma estratégia usada para dividir seu público-alvo em grupos menores e mais gerenciáveis, com base nas características em comum entre eles.

Com essa prática, os esforços de marketing, publicidade e vendas são otimizados, além de aumentar a satisfação do público.

Ao segmentar o mercado, você consegue identificar segmentos específicos de consumidores que possuem necessidades, preferências e comportamentos similares.

Assim, pode ajustar suas estratégias de forma mais direcionada e eficiente, criando mensagens e ações que ressoam com cada grupo.

Qual a importância de segmentar o mercado?

A segmentação de mercado é uma estratégia eficiente que economiza tempo, ao mesmo tempo em que melhora os resultados.

Quando uma empresa se comunica com sua base de clientes sem segmentação, trata todos como se tivessem as mesmas necessidades, dores e ambições. Isso pode incomodar consumidores mais específicos, que preferem ofertas direcionadas.

Esses clientes podem buscar um concorrente que ofereça  um valor a mais, levando à troca de empresa e de produto/serviço.

Aliás, os clientes específicos, chamados de outliers, são valiosos. Eles muitas vezes apresentam um ticket médio mais alto, permanecem como clientes por mais tempo e têm influência ao indicar para outros.

Assim, ao direcionar suas ações de forma específica, a empresa pode aprender mais sobre cada grupo de clientes. 

Ao segmentar e direcionar abordagens com base nesse entendimento, é possível se comunicar adequadamente com esses outliers e convertê-los em contas altamente valiosas.

Tipos de segmentação de mercado

As principais formas de segmentação de mercado são: segmentação demográfica, geográfica, psicográfica e comportamental.

Entenda um pouco sobre cada um dos tipos de segmentação:

Segmentação demográfica

Nessa forma de segmentação, os consumidores são agrupados de acordo com características demográficas, como idade, gênero, renda, nível de instrução, ocupação e estado civil.

Essas informações podem fornecer insights sobre as preferências de compra e comportamento do consumidor em diferentes grupos demográficos.

Segmentação geográfica

Aqui, os consumidores são segmentados com base em sua localização. Eles podem ser divididos em segmentação regional, nacional ou internacional.

A segmentação geográfica leva em consideração fatores como clima, cultura, idioma, preferências regionais e características socioeconômicas específicas de determinada área.

Segmentação psicográfica

Nessa abordagem, os consumidores são agrupados com base em seus traços de personalidade, estilo de vida, valores, atitudes e interesses.

A segmentação psicográfica permite compreender os motivadores emocionais e psicológicos dos consumidores, algo bastante útil para a criação de campanhas de marketing mais direcionadas.

ebook-onde-esta-quem-e-cliente-ideal

Segmentação comportamental

Nessa forma de segmentação de mercado, os consumidores são agrupados de acordo com seu comportamento de compra e uso dos produtos.

Isso inclui fatores como frequência de compra, lealdade à marca, benefícios procurados, estágio de adoção do produto, entre outros. A segmentação comportamental é útil para identificar diferentes necessidades e preferências de consumo entre os clientes.

Vantagens da segmentação de mercado

Como você viu, trabalhar a segmentação de mercado é imprescindível, pois possibilita a redução dos custos e o aumento da produtividade.

Dessa forma, outras vantagens são:

1. Aumento do market share

A segmentação de mercado direciona uma marca aos compradores ideais, impulsionando seu crescimento e alcançando as metas estabelecidas.

Ao utilizar estratégias de marketing baseadas na segmentação, a empresa conquista vantagem competitiva, reduzindo o caminho para alcançar seus objetivos de forma ágil.

2. Identificação de necessidades

Ao elaborar uma análise a respeito do mercado de atuação de uma empresa, os responsáveis conseguem visualizar os possíveis nichos que possam ser trabalhados.

Essas informações permitem que a marca tenha conhecimento mais específico a respeito da demanda do produto  e/ou serviço, observando necessidades ou expectativas do varejo.

3. Conhecimento do consumidor

Ao compreender o consumidor, as empresas conseguem informações sobre seus objetivos, desejos e expectativas em relação aos produtos.

Isso permite o desenvolvimento de estratégias que atendam às suas expectativas e impulsionam o crescimento dos pontos de venda que adquirem esses produtos.

A marca se torna especialista no assunto e oferece exatamente o que o cliente espera, desenvolvendo produtos melhores.

4. Ajuste do produto e canal de distribuição

Uma das principais vantagens da segmentação de mercado, de acordo com o geomarketing, é a possibilidade de as empresas reestruturarem os seus trabalhos.

As informações oferecidas por essa metodologia permitem que as marcas consigam entender qual é a melhor localização e pontos de venda para comercializar os seus produtos/serviços.

Além disso, é possível contar com novos canais de distribuição, procurando atender maiores demandas em determinadas regiões, entregando produtos com mais agilidade e eficácia.

5. Melhoria na experiência de clientes locais

A experiência do consumidor é essencial para a decisão de compra de um estabelecimento varejista. É um indicativo que aponta se deve ou não voltar a negociar com uma fabricante.

As marcas que conseguem atender às necessidades dos comércios, com um atendimento diferenciado e produtos de qualidade, certamente conquistam a sua confiança e fidelização.

Segmentação de mercado

6. Campanhas mais eficientes

A segmentação de mercado, especialmente com o uso de geomarketing, permite campanhas mais elaboradas, aumentando as chances de atingir o consumidor ideal e criar oportunidades de fidelização. 

O auxílio de uma solução de geomarketing é essencial nesse processo.

A análise completa, utilizando modelos sociodemográficos, regionais e comportamentais, permite um planejamento eficiente e reais chances de crescimento para empresas de diversos segmentos.

Como elaborar uma estratégia de segmentação?

Como você viu, existem diversas vantagens em segmentar seu mercado. Esse passo é crucial para o sucesso do negócio, já que é possível identificar grupos de consumidores com necessidades, características e comportamentos semelhantes para adaptar suas ações.

Então veja alguns passos para elaborar uma estratégia de segmentação:

  • Pesquisa de mercado: use pesquisas, estudos de mercado e análises para coletar informações relevantes sobre o mercado em que atua, como informações demográficas, geográficas, psicográficas e comportamentais dos consumidores. 
  • Identificação de segmentos potenciais: com base nas informações coletadas, identifique grupos de consumidores que compartilham características comuns, como idade, sexo, localização geográfica, interesses de compra etc.
  • Avaliação da viabilidade: é importante avaliar a viabilidade de atender a cada segmento identificado. Considere o tamanho do mercado, o poder de compra dos consumidores, a concorrência e a capacidade da sua empresa para identificar os segmentos mais estratégicos.
  • Seleção de segmentos-alvo: escolha os segmentos que apresentam o maior potencial e que estão alinhados com os objetivos da sua empresa. É importante priorizar os segmentos que são mais lucrativos ou estrategicamente importantes.
  • Definição de perfil dos segmentos: desenvolva perfis detalhados de cada segmento, descrevendo características demográficas, comportamentais, desafios e necessidades específicas. Isso vai ajudar na criação de estratégias para cada público.
  • Desenvolvimento de ofertas específicas: crie produtos, serviços e mensagens de marketing que atendam às necessidades de cada segmento. Personalize sua oferta para que ela seja mais relevante para cada grupo.
  • Implementação e monitoramento: execute as estratégias e monitore os resultados. Acompanhe o desempenho de cada segmento e faça ajustes conforme necessário.
  • Feedback e adaptação: receba feedback dos consumidores e ajuste suas estratégias conforme necessário, já que o mercado e as preferências dos consumidores estão em constante evolução.
  • Avaliação contínua: periodicamente, revise sua estratégia de segmentação de mercado para garantir que ela ainda seja relevante e eficaz.

Como o geomarketing contribui com a segmentação de mercado?

Um dos maiores benefícios do geomarketing é a possibilidade de segmentar o público-alvo de forma bastante específica: as coordenadas geográficas coletadas permitem determinar a localização exata, os pontos de interesse e por onde circula determinado perfil de consumidor.

Assim, o geomarketing ajuda em todas as formas de segmentação de mercado, seja demográfica, geográfica, psicográfica ou comportamental.

Veja abaixo como a inteligência geográfica e o uso de um software de geomarketing podem ser utilizados para fazer uma segmentação de mercado.

Nova call to action

Segmentação de mercado por dados demográficos 

Existem diversas características demográficas que auxiliam na segmentação de mercado. Alguns exemplos são a renda média, tamanho da população, gênero, faixa etária, nível de instrução e TGCA..

Assim, ao analisar as informações sobre os seus clientes, você pode descobrir a idade predominante entre eles, assim como a renda média domiciliar.

Com uma ferramenta de geomarketing, é possível cruzar essas informações e entender onde estão esses consumidores.

Veja abaixo:

Segmentação de mercado
População por Faixa de Renda (classe social B1 e B2) vs Faixa Etária (pessoas entre 25 a 49 anos) em microáreas de Belo Horizonte — MG

Segmentação de mercado por Potencial de Consumo

Os seus potenciais consumidores têm realmente interesse em comprar os produtos ou serviços que você oferece?

Essa é uma pergunta importante de se responder na hora de fazer a segmentação.

Com uma ferramenta de geomarketing, você pode visualizar as regiões com maior Potencial de Consumo para diferentes categorias de produtos e serviços. 

No exemplo abaixo, você pode ver o Potencial de Consumo para bebidas em setores censitários do bairro da Saúde, em São Paulo – SP:

Segmentação de mercado por potencial de consumo
Potencial de consumo para bebidas na microárea Saúde em São Paulo, por setores censitários

Este é um bom exemplo de segmentação comportamental, já que a análise revela o interesse do público.

Segmentação de mercado geográfica

Conforme você viu, na segmentação geográfica os consumidores são segmentados com base na sua localização.

Mas essa segmentação também é possível nas relações comerciais entre empresas. Isso é fundamental para empresas B2B, que desejam entender onde estão seus clientes.

No exemplo abaixo, você pode ver a segmentação geográfica de restaurantes fast food em São Paulo – SP:

Segmentação de mercado
Concentração de restaurantes fast food por microáreas em São Paulo – SP

Nos tons mais escuros de verde, você pode ver as microáreas onde estão maior quantidade de restaurantes. Já nos tons mais claros, as áreas onde a quantidade é menor.

Faça ainda mais com inteligência geográfica

A segmentação de mercado traz inúmeros benefícios para as empresas, desde a redução de custos até maior embasamento para tomada de decisões.

Na prática, conhecer as formas de segmentação e saber estruturar as etapas para dividir seu público-alvo são passos essenciais para garantir bons resultados.

Com uma ferramenta de geomarketing, esse processo é ainda mais assertivo.

Além das análises que você viu neste artigo, também é possível descobrir diversos outros aspectos sobre seu público, como as características demográficas, como gênero, nível de instrução, renda média e faixa etária.

É possível ainda visualizar dados atualizados sobre os mais de 5.550 municípios do Brasil, como fluxo de passantes, densidade demográfica e número de moradores nos domicílios.

A partir desses dados, é possível fazer uma segmentação de mercado e ainda:

  • Abrir novas lojas;
  • Aumentar suas vendas;
  • Monitorar a concorrência;
  • Aprimorar suas operações de e-commerce e delivery;
  • Entender a dinâmica das regiões;
  • E muito mais!

Então que tal conhecer as soluções da Geofusion? Solicite uma demonstração do nosso software preenchendo o formulário abaixo:

Geofusion Hannah Schroer
LinkedIn
Compartilhe:
Newsletter

Receba nossos conteúdos exclusivos!


Outras postagens

Como abrir uma franquia com inteligência geográfica

Sell in e sell out: o que é e como vender mais com geomarketing

Strip Malls: o que são e quais as vantagens no varejo

Análise de dados espaciais: o que é e quais os benefícios para os negócios